Número total de visualizações de página

segunda-feira, 4 de agosto de 2014

Indignação do mundo




Gaza tem ocupado desde há várias semanas a fio a abertura dos principais noticiários televisivos portugueses e mundiais, e como consequência, somos diariamente bombardeados com comentários e análises, alguns completamente estapafúrdios e criminosamente parciais, isentos de uma realidade política e histórica, onde só um dos beligerantes (Israel), é culpado de dar uma resposta desproporcional, isto perante o ataque massivo de mísseis contra o seu território, numa violação clara da sua soberania.


Já a organização islamo-fascista do Hamas é retratada como uma organização humanitária, defensora da população local e possuidora de qualidades como a boa fé, vítima do sempre matreiro inimigo sionista, quando a mesma, é a única responsável pelo desrespeito contínuo de vários cessar-fogos, colocando propositadamente a população de Gaza em risco. 





Se os pseudo democratas libertários da nossa praça simpatizam tanto com o Hamas, comprem uma passagem de apenas de ida e façam uma estadia permanente nas fileiras das Brigadas de Ezzeldin Al-Qassam,  e vejam in loco esses "heróis da resistência". 


Enquanto o mundo observa com indignação este conflito, este mesmo mundo vira a cara e assobia para o lado em relação à guerra civil na Síria, guerra que já causou centenas de milhares de mortos, muitos deles, vítimas de execuções sumárias.






Do cartoonista italiano Enrico Bertuccioli.